Bom dia! Hoje é quarta-feira, 26 de fevereiro de 2020 | 10:47

Vê como vives / Web Rádio Vida Espírita - Andradina/SP
Imprimir matéria

18/05/2018 [07h04] | Estudos

Vê como vives

- E chamando dez servos seus, deu-lhes dez minas e disse-lhes: negociai até que eu venha. - Jesus. (Lucas, 19:13.)
Vê como vives
Com a precisa madureza do raciocínio, compreenderá o homem que toda a sua existência é um grande conjunto de negócios espirituais e que a vida, em si, não passa de ato religioso permanente, com vistas aos deveres divinos que nos prendem a Deus.
Por enquanto, o mundo apenas exige testemunhos de fé das pessoas indicadas por detentoras de mandato essencialmente religioso.
Os católicos romanos rodeiam de exigências os sacerdotes, desvirtuando lhes o apostolado. Os protestantes, na maioria, atribuem aos ministros evangélicos as obrigações mais completas do culto. Os espiritistas reclamam de doutrinadores e médiuns as supremas demonstrações de caridade e pureza, como se a luz e a verdade da Nova Revelação pudessem constituir exclusivo patrimônio de alguns cérebros falíveis.
Urge considerar, porém, que o testemunho cristão, no campo transitório da luta humana, é dever de todos os homens, indistintamente.
Cada criatura foi chamada pela Providência a determinado setor de trabalhos espirituais na Terra.
O comerciante está em negócios de suprimento e de fraternidade.
O administrador permanece em negócios de orientação, distribuição e responsabilidade.
O servidor foi trazido a negócios de obediência e edificação.
As mães e os pais terrestres foram convocados a negócios de renúncia, exemplificação e devotamento.
O carpinteiro está fabricando colunas para o templo vivo do lar.
O cientista vive fornecendo equações de progresso que melhorem o bem-estar do mundo.
O cozinheiro trabalha para alimentar o operário e o sábio.
Todos os homens vivem na Obra de Deus, valendo-se dela para alcançarem, um dia, a grandeza divina. Usufrutuários de patrimônios que pertencem ao Pai, encontram-se no campo das oportunidades presentes, negociando com os valores do Senhor.
Em razão desta verdade, meu amigo, vê o que fazes e não te esqueças de subordinar teus desejos a Deus, nos negócios que por algum tempo te forem confiados no mundo.
=====================================
Fonte: Vinha de Luz. Francisco

Comentários

Outras matérias

  • Momento Espirita

    Quando a morte leva nossos sonhos

    A morte é sempre a indesejada que aparece nos momentos mais impróprios.
  • Momento Espirita

    Nossos pressentimentos

    No jardim, na camaradagem do silêncio, Tammy pensava. Como eram diferentes os dias de agora. Diferentes porque seu amado não estava com ela. Rustom, com sua risada franca, sua confiança ilimitada. Rustom que era capaz de entrar em qualquer lugar e, em po...
  • Reflexões

    Um Novo Ano, uma nova chance

    Chegou o Novo Ano. Alguns o aguardavam com ansiedade porque assinalará uma etapa diferente em nossa vida. Será o ano do nosso ingresso na Universidade. Será o ano em que a viagem que planejamos se deverá concretizar. Será o ano em que nos casaremos, em qu...
  • Artigos

    A Voz que me dirige os passos

    Ainda bem que no mundo existem os poetas...
  • Reflexões

    Natal em nós

    Glória a Deus nas alturas, paz na Terra aos homens de boa vontade.

RECADOS

  • Divino Manoel de Deus | Andradina - SP

    "O maior benefício que se pode fazer à Doutrina Espîrita é a sua própria divulgação". Alla Kardec.

    14/12/2019 às 14h55

  • Edson Hiromi Itao | Andradina - SP

    uma aura de uma frequència espiritual boa

    22/09/2019 às 16h06

  • João Santucci | Andradina - SP

    "Se a porta não abre, simplesmente não é a porta certa, muito menos o caminho." O segredo.

    26/08/2019 às 21h52

Escrever recado

NOVIDADES

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

«« Web Rádio 'Vida Espírita' - Andradina/SP - Divulgando a doutrina espírita! »» Copyright © 2015 - 2020 »» Todos os Direitos Reservados. »»
0%
Streaming Local7 Sites