Bom dia! Hoje é segunda-feira, 22 de julho de 2019 | 02:17

Os instrumentos da perfeição / Web Rádio Vida Espírita - Andradina/SP
Imprimir matéria

30/06/2019 [06h58] | Reflexões

Os instrumentos da perfeição

Os instrumentos da perfeição
Naquela noite, Simão Pedro trazia na alma grande desgosto.
Havia tido problemas com parentes complicados e rudes.
Velho tio o havia acusado de esbanjar os bens da família e um primo o ameaçara esbofetear na via pública.
Guardava, por isso, a face carregada.
Quando o Mestre leu algumas frases dos sagrados escritos, o pescador desabafou e descreveu o conflito com a parentela.
Ao término do longo relatório afetivo, Jesus indagou:
?E o que você fez, Simão, ante as agressões dos familiares incompreensivos??
?Sem dúvida, reagi como devia!? ? Respondeu o apóstolo com veemência.
Coloquei cada um em seu devido lugar. Anunciei, sem disfarce, as más qualidades de que são portadores. Meu tio é raro exemplar de mesquinharia e meu primo é um grande mentiroso.
?Provei que ambos são hipócritas e não me arrependi do que fiz.?
O Mestre refletiu por minutos longos e falou, compassivo:
Pedro, me diga: ?Que faz um carpinteiro na construção de uma casa?
Naturalmente trabalha.? ? respondeu, com certa irritação, o apóstolo.
?Com o quê?? ? tornou a questionar o Amigo Celeste.
?Usando ferramentas.?
Após a resposta breve de Simão, Jesus continuou:
?As pessoas com as quais nascemos e vivemos na Terra são os primeiros e mais importantes instrumentos que recebemos do Pai, para a edificação do reino do céu em nós mesmos?.
Quando falhamos no aproveitamento deles, que constituem elementos de nossa melhoria, é quase impossível triunfar com recursos alheios, porque o Pai nos concede os problemas da vida, de acordo com a nossa capacidade de lhes dar solução.?
?A ave é obrigada a fazer o ninho, mas não lhe é pedido outro serviço?.
A ovelha fornece a lã; no entanto, ninguém lhe exige o agasalho pronto. Ao homem foram concedidas outras tarefas, quais sejam as do amor e da humildade, na ação inteligente e constante para o bem comum, a fim de que a paz e a felicidade não sejam mitos na Terra.
Os parentes próximos, na maioria das vezes, são o martelo ou o serrote que podemos utilizar a benefício da construção do templo vivo e sublime, por intermédio do qual o céu se manifestará em nossa alma.
Em todas as ocasiões, o ignorante representa para nós um campo de bênçãos; o mau é desafio que nos põe a bondade à prova; o ingrato é um meio de exercitarmos o perdão; o doente é uma lição para nossa capacidade de socorrer.
?Aquele que bem se conduz, junto de familiares endurecidos ou indiferentes, prepara-se com rapidez para a glória do serviço à humanidade, porque, se a paciência aprimora a vida, o tempo tudo transforma.?
Pedro não falou mais nada. E talvez porque ainda mantivesse os olhos questionadores, Jesus completou:
?Se não ajudamos o necessitado de perto, como auxiliaremos os aflitos de longe?
Se não amamos o irmão que respira conosco os mesmos ares, como nos harmonizaremos com o Pai Celeste??

*   *   *
Ninguém que figura entre nossos familiares ali se encontra por acaso. Há imensa sabedoria divina em nos colocar no lugar certo, na hora oportuna, com as pessoas certas.
Pensemos nisso.
----------------------------------------------------------------------

Fonte: Texto com base no cap. 6, do livro Jesus no lar, pelo Espírito Néio Lucio, psicografia de Francisco Cândido Xavier, ed. FEB.

Comentários

Outras matérias

  • Artigos

    A metamorfose

    Interessante se observar uma borboleta pousada sobre uma folha nova, especialmente escolhida por ela. Uma que não caia antes da saída das lagartinhas do ovo. Ela dobra o abdome até sentir a face inferior da folha e ali coloca o ovo. Por essas maravilh...
  • Reflexões

    A recompensa da gratidão

    Ela viera das terras distantes de Cesaréia de Filipe, na Decápole. Era considerada impura, pois há doze anos um fluxo sanguíneo não a deixava. Recorrera a todos os métodos possíveis, na ânsia da cura. Tudo inútil. Seu mal era considerado um sinal de de...
  • Reflexões

    A porta do lado

    Como anda nosso nível de exigência em relação à vida? Somos daqueles que queremos que tudo sempre dê certo, e que não admitimos falhas, aborrecimentos?
  • Artigos

    A fé

    A fé é o maior tesouro da alma...
  • Reflexões

    Os instrumentos da perfeição

    Naquela noite, Simão Pedro trazia na alma grande desgosto. Havia tido problemas com parentes complicados e rudes. Velho tio o havia acusado de esbanjar os bens da família e um primo o ameaçara esbofetear na via pública. Guardava, por isso, a face carregad...

RECADOS

  • Pierre Braga | Varginha - MG

    Ouça músicas espíritas; https://www.palcomp3.com/pierrebraga2018/discografia/musicas-espiritas/

    16/03/2019 às 12h17

  • DIVA ZENAIDE CAPPI DE CAMPOS | Campo Grande - MS

    Gostei muito do trabalho de divulgação da doutrina, lindo fundo musical. Nasci em Andradina em berço espírita. Parabéns.

    13/02/2019 às 16h56

  • Camilla Dutra | Campinas - SP

    Gostaria de saber qual a formação da Dra. Anete. Mesmo que não concluída.

    06/11/2018 às 17h59

Escrever recado

NOVIDADES

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

«« Web Rádio 'Vida Espírita' - Andradina/SP - Divulgando a doutrina espírita! - Copyright © 2015-2019 Todos os Direitos Reservados »»
0%
Streaming Local7 Sites