Bom dia! Hoje é quarta-feira, 19 de fevereiro de 2020 | 01:00

Tributo à vida / Web Rádio Vida Espírita - Andradina/SP
Imprimir matéria

25/07/2019 [06h46] | Reflexões

Tributo à vida

Tributo à vida

Era somente um rapaz e nos chamou a atenção porque pulou a grade de segurança da extensa ponte, saltando para um dos pilares, na parte de dentro do rio.

Notava-se que a chuva insistente, do dia anterior, tornara as águas turbulentas. Ficamos curiosos em saber o que faria aquele jovem.

E nos pusemos a observá-lo, do local onde nos encontrávamos.

Ele deslizou pelo alto pilar até a base. Depois, procurando, com o olhar, o melhor caminho, mesmo sem calçar botas, foi andando entre a água e as pedras mais próximas à margem.

Somente então nos demos conta do motivo de tudo aquilo. Ali, em meio à vegetação, estava um cãozinho assustado, olhando as águas.

O rapaz se aproximou, o chamou e o acarinhou, no intuito de lhe conquistar a confiança.

Depois, o abrigou entre seus braços e retornou para a base do pilar.

Agora sim, ele se deparou com o grande problema. Ele pensara no resgate do animal, mas não em como poderia retornar para o alto da ponte.

Ele descera sem nada e não havia saliências entre as pedras do pilar para ele se apoiar e subir.

Menos ainda sustentando o pequeno animal.

Nesse momento, outros adolescentes, que passavam pela ponte, se uniram ao resgate.

Um deles desceu até o pilar, apanhou o cão, entregou-o em segurança aos colegas, do lado de dentro da grade de proteção.

Retornou, estendeu os braços e foi puxando o rapaz para cima.

Para conseguirem chegar até a segurança da ponte, foi preciso que dois se unissem e depois, enfim, comemoraram o êxito alcançado, abraçando-se.

Enquanto tudo isso acontecia, e foram longos e preciosos minutos, ninguém mais parou. Os carros continuaram a transitar, as pessoas a se locomoverem.

Somente aqueles meninos viram o que estava acontecendo. Meninos que passavam, seguindo para a escola ou para lugar nenhum. Não sabemos.

O detalhe é que eles tiveram olhos de ver e se uniram em um resgate a alguém que teve o ímpeto de salvar um filhote assustado e perdido que, talvez tivesse perecido ali mesmo.


*   *   *

Já nos perguntamos, alguma vez, quanto vale uma vida? Quando assistimos a tantas cenas cotidianas que parecem nos dizer que ela não vale nada; quando tantos filmes enaltecem o resolver da violência com mais violência e a morte dos considerados maus elementos; as histórias que apresentam como atos heróicos o suicídio assistido, é de nos emocionarmos constatar nossa juventude reverenciando a vida.

Se dá valor a um animal, se arrisca a própria segurança para salvá-lo; se demonstra preocupação com alguém que precisa de ajuda, isso nos diz que nosso mundo está recheado de boas pessoas, de gente que pensa no semelhante, que esquece o compromisso imediato para louvar a vida, num gesto de desprendimento.

O que recebe em troca? No caso do cãozinho, muitas lambidas, latidos e pulos.

Em se falando do bem maior, as vidas que foram preservadas, um hino que sobe aos céus e retorna em bênçãos generosas sobre a Humanidade.

Sim, sobre todos, porque toda vez que um gesto bom é concretizado, a Humanidade inteira se beneficia.

Pensemos nisso e saiamos a louvar a vida humana, animal, vegetal.

Ela é precioso dom da Divindade.

Fonte: Rádio Vida Espírita

Comentários

Outras matérias

  • Momento Espirita

    Quando a morte leva nossos sonhos

    A morte é sempre a indesejada que aparece nos momentos mais impróprios.
  • Momento Espirita

    Nossos pressentimentos

    No jardim, na camaradagem do silêncio, Tammy pensava. Como eram diferentes os dias de agora. Diferentes porque seu amado não estava com ela. Rustom, com sua risada franca, sua confiança ilimitada. Rustom que era capaz de entrar em qualquer lugar e, em po...
  • Reflexões

    Um Novo Ano, uma nova chance

    Chegou o Novo Ano. Alguns o aguardavam com ansiedade porque assinalará uma etapa diferente em nossa vida. Será o ano do nosso ingresso na Universidade. Será o ano em que a viagem que planejamos se deverá concretizar. Será o ano em que nos casaremos, em qu...
  • Artigos

    A Voz que me dirige os passos

    Ainda bem que no mundo existem os poetas...
  • Reflexões

    Natal em nós

    Glória a Deus nas alturas, paz na Terra aos homens de boa vontade.

RECADOS

  • Divino Manoel de Deus | Andradina - SP

    "O maior benefício que se pode fazer à Doutrina Espîrita é a sua própria divulgação". Alla Kardec.

    14/12/2019 às 14h55

  • Edson Hiromi Itao | Andradina - SP

    uma aura de uma frequència espiritual boa

    22/09/2019 às 16h06

  • João Santucci | Andradina - SP

    "Se a porta não abre, simplesmente não é a porta certa, muito menos o caminho." O segredo.

    26/08/2019 às 21h52

Escrever recado

NOVIDADES

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

«« Web Rádio 'Vida Espírita' - Andradina/SP - Divulgando a doutrina espírita! »» Copyright © 2015 - 2020 »» Todos os Direitos Reservados. »»
0%
Streaming Local7 Sites