Boa tarde! Hoje é quinta-feira, 19 de setembro de 2019 | 14:04

A riqueza do Pai / Web Rádio Vida Espírita - Andradina/SP
Imprimir matéria

09/09/2019 [07h04] | Reflexões

A riqueza do Pai

A riqueza do Pai

Quando o pólen vai conduzido pelas patinhas dos insetos e pelo vento, observamos o curioso fenômeno da fertilização no reino vegetal.


Essa integração entre o vento, as plantas e os animais nos fala da beleza que caracteriza as leis do Criador.

Mas as flores e os frutos que decorrem dessa integração nos falam da riqueza de Deus, a saciar a sede de beleza e a fome de sua criação animal.

Quando as poeiras celestes se reúnem nos cenários cósmicos e cantam o nascimento de um novo astro, conseguimos ver a beleza do Criador a inundar os espaços.

Porém, ao olharmos a olho nu ou por meio de equipamentos tecnológicos, a infinidade de astros nos céus, constatamos a riqueza de Deus, a nos falar dos Universos sem conta.

Quando observamos a movimentação do verme no solo, transformando a matéria em húmus fertilizante; quando vemos a ação dos seres unicelulares desde a ameba, no ciclo do progresso, temos a beleza da obra divina em ampla demonstração.

Entretanto, ao vermos a multiplicidade das formas animais, das cores, da plumagem, das peles, constatamos como tudo isso exprime a riqueza de Deus.

Quando nos permitimos as observações no mundo da irracionalidade, das reações animais nos impulsos do instinto e o acerto dessas reações, somos levados a penetrar os campos da beleza do Pai, que unifica o vagalume e o chimpanzé, a mosca e o dromedário, a formiga e o leão, na vasta cadeia da evolução animal.

Todavia, ao verificarmos as experiências humanas que reúnem em si todos os progressos dos seres inferiores à Humanidade;ao constatarmos as sofisticações intelectuais, morais, espirituais do homem não se pode ficar indiferente a essas demonstrações da riqueza de Deus.

Tudo nos leva a conceber a Inteligência Suprema como a beleza e a riqueza plenas e perfeitas a penetrar e envolver os mundos.

E, ao reconhecer a nossa condição de filhos desse grande Pai, nos sentimos herdeiros das constelações, donos da vida, uma vez que é o nosso Pai o dono de tudo.

Observamos que toda a feiura e a pobreza que vemos sobre o planeta é devida às construções infelizes do ser humano.

É o homem que cava para si mesmo abismos de dor e veredas de morte, em razão de dar ouvidos às sombras que ainda existem em sua intimidade.

No entanto, não há porque persistir em conservar as pobrezas da mente e do coração, desde que em Deus tudo é beleza, riqueza, um campo de vibrante evolução.

O que devemos buscar é o aprimoramento da alma, o embelezamento íntimo e a riqueza do caráter, a fim de que desenvolvamos em nós o reino dos céus, na marcha para a evolução.

*   *   *

Aprendamos a descobrir, ao nosso redor, a beleza e a riqueza de Deus a fim de que, assim sintonizados, sejamos estetas da beleza, artífices da paz e promotores do bem, nesse universo de ações, vibrações, sentimentos, em que nos movemos.

Fonte: Texto com base no cap. Beleza e riqueza de Deus, do livro Em nome de Deus, pelo Espírito José Lopes Neto, psicografia de Rau

Comentários

Outras matérias

  • Momento Espirita

    De onde surge o amor

    Será possível saber quem inventou o amor? Será que alguém inventou o amor?
  • Momento Espirita

    Recados de Deus

    Uma rua de uma única quadra. Entre casas bem pintadas, jardins com flores, aquela chama a atenção.Destoa de todas as demais. Maltratada, suja.No que fora um dia um jardim, o mato cresce alto e se balança ao sabor do vento.Na calçada exterior, o canteiro t...
  • Momento Espirita

    A vida é curta

    Um simples adesivo, fixado num vidro de carro, revela uma filosofia de vida muito perigosa.
  • Momento Espirita

    Milagres que nos cercam

    Quando se fala em milagres, é comum nos vir à mente coisas extraordinárias. O céu se abrindo, um mensageiro celeste aparecendo, fenômenos acontecendo.
  • Momento Espirita

    Casa em ruínas

    Maria de Magdala ouvira as pregações do Evangelho do Reino, não longe da vila principesca onde vivia entregue a prazeres, em companhia de patrícios romanos. Tomara-se de admiração profunda pelo Messias. Que novo amor era aquele apregoado aos pescadores si...

RECADOS

  • João Santucci | Andradina - SP

    "Se a porta não abre, simplesmente não é a porta certa, muito menos o caminho." O segredo.

    26/08/2019 às 21h52

  • Pierre Braga | Varginha - MG

    Ouça músicas espíritas; https://www.palcomp3.com/pierrebraga2018/discografia/musicas-espiritas/

    16/03/2019 às 12h17

  • DIVA ZENAIDE CAPPI DE CAMPOS | Campo Grande - MS

    Gostei muito do trabalho de divulgação da doutrina, lindo fundo musical. Nasci em Andradina em berço espírita. Parabéns.

    13/02/2019 às 16h56

Escrever recado

NOVIDADES

Assine nossa newsletter e fique por dentro das novidades!

«« Web Rádio 'Vida Espírita' - Andradina/SP - Divulgando a doutrina espírita! »» Copyright © 2015 - 2019 »» Todos os Direitos Reservados. »»
0%
Streaming Local7 Sites